Sobre uma colina à beira do desfiladeiro e a poucos quilômetros de Taranto, Grottaglie é a capital pugliese da cerâmica. A cerâmica de Grottaglie está em todos os cantos da cidade, mas se concentra no Quartiere della Ceramica, também chamado Li cammen’re (os caminhos).

A Via Francesco Crispi é a principal rua do Quartiere della Ceramica, onde existem inúmeras lojas e oficinas de artesanato. Aproveite para conhecer a arte da terracotta. Existe uma grande produção de pratos, vasos, jarros etc, mas o artigo mais famoso da cerâmica local é o “Pumo”, símbolo da fertilidade. O galo se tornou o símbolo mais importante na cerâmica da Puglia porque representa a figura de Mercúrio além do comércio e a persuasão. Durante todo o verão existe uma mostra com obras de artistas de todo o mundo.

No alto do centro histórico está o Castelo Episcopio (fim do século XVI) que abriga o Museo della Ceramica. O museu expõe produções locais da pré-história até os nossos dias.

A Casa Vestita, por exemplo, é uma das oficinas mais famosas da cidade. Conserva, além de ânforas e antigos objetos de cerâmica no seu jardim, uma igreja rupestre medieval com afrescos.

 

A cerâmica de Grottaglie: o centro histórico e os desfiladeiros

A Piazza Regina Margherita é a praça principal do centro histórico. A Chiesa Madre em estilo românico possui uma cúpula barroca revestida de azulejos.

Entretanto os desfiladeiros que circundam a cidade também merecem uma visita. A Lama del Fullonese é uma área rupestre que foi refúgio de uma pequena comunidade hebraica vinda de Oria.

 

Por fim, saindo da cidade em direção ao norte a Gravina di Riggio é um dos desfiladeiros mais famosos da Puglia. Para os amantes do trekking, o cânion esconde varias grutas, pinturas rupestres e uma cascata. Portanto, reserve uma excursão guiada para conhecer os desfiladeiros.


Província: Taranto
Habitantes: 27.000
Mapa