Eventos, festas e muita gente. Tudo gira em torno do Castelo de Conversano.

O Castelo de Conversano é a grande atração da cidade. Antes de tudo, Conversano é uma cidadezinha da província de Bari com aproximadamente 35 mil habitantes e o seu centro histórico está em uma colina a 220 metros acima do nível do mar. Em outras palavras, significa que a temperatura é um pouco mais baixa que no litoral. Portanto, leve sempre um casaquinho.

A cidade que era de passagem no caminho de Canosa a Egnazia, desapareceu com a queda do Império Romano. Na Idade Média se formou uma nova cidade, Cupersanum, que foi propriedade dos Lombardos, foi sede episcopal e feudo dos Acquaviva D’Aragona.

 

O Castelo de Conversano

O belíssimo Castello de Conversano pertencia a nobre família Acquaviva D’Aragona que era uma das sete grandes famílias do Reino de Nápoles. Por exemplo, entre os títulos recebidos estão os de Conde de Conversano e Duque de Nardò. No entanto, o castelo é também sede da Pinacoteca Municipal que tem como principais obras, os quadros da Jerusalém Libertada, de Paolo Finoglio. A entrada da Pinacoteca é por trás do Castelo, na Piazza della Conciliazione, de onde se pode ver a catedral Basilica Minore Pontificia di M. Ss. Assunta e S. Flaviano no estilo clássico românico pugliese. Entre Conversano e Putignano está o Castello Marchione, que era a casa de caça da nobre família Acquaviva D’Aragona. Todavia, hoje é uma estrutura para eventos.

 

Conversano - Porta delle Gabelle

O Castelo de Conversano: As Portas e o Museo Civico Archeologico

Primeiramente, da Piazza della Conciliazione seguindo a Via Porta Antica della Città você vai descer até a Porta delle Gabelle, a mais antiga de Conversano. Digno de nota é o chão da ladeira que tem barras horizontais de pedra que ajudavam os cavalos a subir e descer. Então, vire à esquerda na Via Arringo até chegar na Porta Tarantina, uma das entradas do centro histórico. Subindo as escadas do centro histórico, a esquerda, se encontra o Monastero di San Benedetto, sede do pequeno, mas muito interessante Museo Civico Archeologico.

 

Os Lagos

Uma das coisas curiosas de Conversano é a reserva natural dos “lagos”, entre Conversano e Cozze, fração de Mola di Bari. Por causa da erosão das rochas formaram-se alguns lagos com as águas das chuvas acumuladas que, em época romana, eram armazenadas em cisternas subterrâneas. Se tiver sorte você poderá ver algumas aves, como flamingos, que fazem parada nos lagos durante as migrações.

 

Conversano - Museo Civico Archeologico

Festa

Conversano, apesar de ser pequena, realiza muitos eventos culturais. Principalmente, a festa mais popular e tradicional, a Sagra da Cereja, em junho. Por exemplo, a cereja ferrovia, que é cultivada em toda a Itália, é o principal produto de Conversano.


Província: Bari
Habitantes: 26.000
Mapa