Carovigno, dos medievais arcos de pedra à natureza de Torre Guaceto

No alto de uma colina no norte do Salento, Carovigno preserva os restos do muro da antiga cidade de Carbina, um importante centro messapiano destruído por Taranto. O centro histórico, chamado de “La Terra”, é caracterizado pelas casinhas brancas e pelos arcos de pedra, por exemplo o Arco Del Prete. Os muros da antiga cidade possuíam quatro torres ainda existentes: Torre del Civile, Torre Giranda, Torre delli Brandi e Torre del Prete.

No ponto mais alto da cidade está o principal monumento da cidade, o castelo Dentice di Frasso, com três torres e a Chiesa di Sant’Anna, e ainda é sede do museu das tradições populares. Ali perto está um dos principais acessos da cidade, a Porta Nuova ou Porta Ostuni. Enquanto a Porta Brindisi é o início da Via Cattedrale onde está Chiesa Madre Parrocchia Santa Maria Assunta que possui uma rosácea lateral, onde era a antiga entrada.

 

5 parques e reservas naturais da Puglia

Marina Protetta di Torre Guaceto

A poucos quilômetros do centro de Carovigno as praias de Specchiola e Torre Santa Sabina formam a marina de Carovigno. Pouco mais ao sul, uma torre de observação do século XVI é o símbolo da Riserva Natural di Torre Guaceto. Em outras palavras, a reserva tem 8 km de litoral que compreende a praia (Bandiera Blu) de Torre Guaceto, dunas e vegetação mediterrânea. A reserva é conhecida também pela sua zona agrícola Slow Food dedicada, principalmente, ao azeite de alta qualidade e aos tomates fiaschetto. Todavia é aberta à visitação e à outras atividades, por exemplo, ciclotrekking e seawatching.

 

Enfim, a 4 km da cidade e a 100 m de altura, o Santuario di Maria Santissima di Belvedere, oferece uma belíssima vista de uma extensão de oliveiras até o Mar Adriático.


Província: Brindisi
Habitantes: 16.000
Mapa