Embora a Puglia seja a região menos montanhosa da Itália, as montanhas mais altas estão na província de Foggia. Biccari e o Monte Cornacchia representam o ponto culminante da Puglia.

 

Biccari e o Monte Cornacchia

Nos Montes da Daunia, o Monte Cornacchia é o pico mais alto da Puglia com 1151 m de altura. Só para ter uma idéia, o ponto mais alto do Brasil é o Pico da Neblina com 2995 m de altura. O Corcovado, no Rio de Janeiro, tem 710 m. No “Telhado da Puglia’, entre bosques e pastos, o refúgio de pedra é uma etapa obrigatória dos aventureiros, principalmente, para admirar o visual do Gargano e do Tavoliere delle Puglia.

Biccari é uma cidade muito pequena, mas oferece grandes paisagens, como bosques, vinhedos e olivais. A cidade é o ponto de partida dos passeios pelas trilhas da área natural de “Lago Pescara – Monte Cornacchia – Bosco Cerasa”. A área natural dista 8 Km de Biccari e é um lugar para os amantes da natureza incontaminada, da pesca e do trekking. O Lago Pescara é o único lago natural da Puglia e de origem vulcânica. Do lago saem várias trilhas que percorrem o “Boschetto”, o Monte Sidone e o Monte Cornacchia. Enquanto, próximo do lago existe um estacionamento, uma área para piqueniques e um parque com percursos suspensos nas árvores.

O melhor período para subir o Monte Cornacchia é durante a primavera e o verão. Existem outras trilhas além da trilha para o Monte Cornacchia, por exemplo, a trilha que sai do Lago Pescara e vai até o Boschetto. No entanto, para os aventureiros mais experientes a famosa trilha Frassati começa em Biccari e passa pelas cidades de Castelluccio Valmaggiore, Celle di San Vito, Faeto e Roseto Valfortore antes de subir o Monte Cornacchia para depois retornar a Biccari.


Província: Foggia
Habitantes: 2.500
Mapa