Bari – a capital da Puglia, no sul da Itália, é a porta do turismo da região. A Bari Vecchia é o coração da antiga cidade onde a Basilica di San Nicola é símbolo da união entre o ocidente e o oriente. O elegante bairro Murattiano reúne, entre muitas atrações, a orla mais longa da Itália, o Teatro Petruzzelli e a famosa Via Sparano.

Bari é a capital da Província de Bari com 320 mil habitantes e se localiza no centro da costa Adriática da Puglia (Apúlia, em português). A cidade antiga, Bari Vecchia, cresceu a partir do porto e ganhou importância comercial no Mediterrâneo com o surgimento da Via Traiana na época romana. Tornou-se um importante centro administrativo e religioso bizantino. Por isso, Bari ainda é vista como um ponto de intercâmbio entre o ocidente e o oriente.

 

Como chegar em Bari – a capital da Puglia

O Aeroporto Internazionale di Bari-Karol Wojtyla é o principal aeroporto da região. Saiba como ir do Aeroporto de Bari para o centro de Bari. O Porto de Bari é um dos principais portos italianos por tráfego internacional de passageiros porque faz parte das principais rotas dos cruzeiros pelo Mediterrâneo e dos traghetti para a Grécia e a Croácia. Clique aqui para saber o que fazer durante a escala do cruzeiro em Bari.

 

Centro histórico de Bari, a capital da Puglia

O que visitar na Bari Vecchia

Bari Vecchia é o centro histórico com um emaranhado de ruazinhas onde é possível ver as senhoras que preparam le orecchiette, a massa típica local, e sentir o cheirinho de focaccia no ar. Um dos símbolos históricos da cidade é o Castello Normanno-Svevo construído por Frederico II do Sacro Império Romano-Germânico. Todavia a vida no centro histórico gira em torno da Cattedrale di San Sabino e da Basilica di San Nicola.

Exemplo do estilo românico pugliese, a Basilica di San Nicola conserva as relíquias do santo padroeiro (festejado em maio), por isso é meta de peregrinação de fiéis católicos e ortodoxos russos, o que a tornou também um importante centro de união entre a Igreja Ortodoxa e a Igreja Católica Romana. Enquanto, atrás da basílica, a antiga Muraglia, hoje Via Venezia, desce até a Piazza del Ferrarese, centro da vida noturna barese. Ao lado, a Piazza Mercantile era o antigo centro político e comercial da cidade medieval.

 

Um passeio pelo Quartiere Murat

O bairro Murat vai da Piazza Aldo Moro, a praça da estação Bari Centrale, ao centro histórico, e foi projetado em estilo francês como “il borgo nuovo” durante o reinado de Gioacchino Murat, o cunhado de Napoleão Bonaparte.

A Via Sparano, a principal rua das compras da cidade, liga a estação ao Corso Vittorio Emanuele II, a rua que divide a “cidade nova” da Bari Vecchia. Certamente, o Palazzo Mincuzzi, em estilo art noveau, é o edifício mais bonito e símbolo comercial da cidade. No entanto, o Teatro Margherita, único na Europa sobre palafitas, o Teatro Piccinni, o mais antigo da cidade, e o maior teatro privado da Europa, o Teatro Pettruzelli, símbolo cultural da cidade.

 

A orla de Bari liga o centro de exposições Fiera del Levante até a praia de Pane e Pomodoro, a praia da cidade. A orla mais longa da Itália é decorada por característicos lampiões e edifícios históricos em estilo Liberty e de época fascista, por exemplo, o Teatro Kursaal Santalucia, e o Palazzo della Provincia, hoje sede da Pinacoteca de Bari.

 

O que comer em Bari

O menu tradicional inclui a tiella ou, também, chamado “riso, patate e cozze” (arroz, batata e mexilhão), porque, em Bari, o mexilhão se come cozido, recheado ou cru.

Enquanto 0 prato de massa local são as orecchiette com le cime di rapa (nabos) ou com ragu de brasciole. Le brasciole são rolinhos de carne de boi no sugo, originalmente de carne de cavalo, com queijo e temperos.

Um prato de fave e cicorie é um purê de favas verdes e com o amargo da chicória, quase sempre não apreciado pelas crianças, que, certamente, preferem a focaccia e o panzerotto, dois clássicos do fast-food barese.

 

O que ver nos arredores de Bari – a capital da Puglia

Por fim, Bari é o início de um roteiro de 4 dias pela Terra di Bari. A cidade dos trulli, Alberobello, Patrimônio da Humanidade pela UNESCO, está a, aproximadamente, 55 km de Bari. Polignano a Mare com suas casas à beira do penhasco sobre o mar, um cartão-postal da Puglia, está a 35 km. O Castel del Monte, em Andria, outro Patrimônio da UNESCO e símbolo da Puglia, está a 35 km. Na Basilicata, Matera, Capital Europeia da Cultura 2019, está a 65 km.