San Giovanni Rotondo e Padre Pio são sinônimos de turismo religioso na Puglia. A cidade que está sobre o Monte Calvo, o ponto mais alto do Parco Nazionale del Gargano, conserva os restos de San Pio di Pietralcina beatificado em 2002.

Embora fosse da regiao da Campania, quando Padre Pio chegou na Puglia, em San Giovanni em 1916, ajudou muito no crescimento da cidade. Padre Pio se empenhou, principalmente, na construção de obras públicas. Por exemplo, o hospital Casa Sollievo della Sofferenza.

O Santuario di San Pio da Pietrelcina em San Giovanni Rotondo é a segunda igreja na Itália por extensão (6.000 metros quadrados) e a segunda meta de peregrinação na Itália (7 milhões de pessoas por ano), depois da Basilica di San Pietro, em Roma.

 

San Giovanni Rotondo e Padre Pio

O Complesso Conventuale di Santa Maria delle Grazie compreende o antigo convento de frades capuchinhos, a igreja, o novo santuário e a Via Crucis Monumentale. Padre Pio viveu no convento até a sua morte, em 1968. Na chiesa di Santa Maria delle Grazie é possível visitar a Cella de Padre Pio e a Cripta onde foi enterrado. Contudo, hoje a belíssima Nuova Chiesa di San Pio, obra do famoso arquiteto italiano Renzo Piano, conserva os restos do santo.

 

O nome da cidade vem da igreja dedicada a San Giovanni Battista dos Longobardos, a mais antiga, que foi construída sobre as ruínas de um tempo dedicado ao Deus Jano. Sucessivamente Frederico II do Sacro Império Romano-Germânico construiu uma muralha com 15 torres, mas hoje restam apenas duas torres, a Rotonda e a Quadrata.

Em setembro, há duas datas dedicadas a Padre Pio. No dia 20 de setembro se recorda os estigmas do Padre Pio. Enquanto, o dia 23 de setembro é o aniversário da sua morte.

Por fim, lembre-se que para completar o tour religioso, o Santuário de Monte Sant’Angelo está a 25 km de San Giovanni Rotondo, aproximadamente 30 min de carro.


Província: Foggia
Habitantes: 27.000
Mapa