A Marina de Melendugno é uma das metas mais freqüentadas pelos turistas que viajam pelo litoral Adriático Salentino, na Puglia, sul da Itália. Entre Lecce e Otranto, o centro de Melendugno não esta no litoral, mas a sua marina Bandiera Blu é repleta de grutas e enseadas. Por exemplo, nas localidades de Torre Specchia Ruggeri, San Foca, Roca Vecchia, Torre dell’Orso e Torre Sant’Andrea.

 

Os trechos da Marina de Melendugno

A tranquila Torre Specchia Ruggeri é a menos famosa entre as localidades de Melendugno. Além dos restaurantes, é possível fazer aulas de mergulho e windsurf.

A Praia de San Foca é uma das metas do verão para os turistas estrangeiros, por causa do trecho público, dos lidos e dos restaurantes. Do porto saem passeios de barco pelas enseadas e grutas do litoral Adriático.

Roca Vecchia é uma localidade conhecida pela sua área arqueológica, mas o espetáculo maior é a natureza. A Grotta della Poesia é um buraco de 30 metros de diâmetro onde as pessoas mergulham no mar de uma altura de 5 metros.

 

Embora haja uma pequena praia protegida por pinheiros, Torre dell’Orso é a localidade mais movimentada de Melendugno no verão. De um lado da praia está a antiga torre, enquanto do outro estão Le Due Sorelle, duas rocas que saem do mar, um dos cartões-postais do Salento.

Uma rocha com a forma de esfinge (Il Tafarulo) protege a pequena praia de Torre Sant’Andrea. No entanto, do outro lado do Farol de Torre Sant’Andrea di Missipezza as falésias e rocas formam uma das paisagens mais bonitas do Salento.

A Marina de Melendugno faz parte da Estrada panorâmica do Salento Adriático. A estrada parte de San Cataldo, percorre as localidades de Melendugno, Otranto (o ponto mais oriental da Itália) até chegar a Santa Maria di Leuca, o extremo sul da Puglia.


Província: Lecce
Habitantes: 9.900
Mapa