A Puglia (Apúlia, aportuguesando) é uma região do sul da Itália diferente de tudo que você conhece.

5 motivos para conhecer a Puglia (Apúlia) e aproveitar o mar, as paisagens, a boa comida e, por fim, querer voltar. Antes de tudo, aos poucos a região está saindo do desconhecido e ganhando popularidade. Ainda mais, porque muitas celebridades internacionais estão incluindo a Puglia nos seus roteiros de férias e de casamentos.

 

5 motivos para conhecer a Puglia - Casas trulli do Valle d'Itria

5 motivos para conhecer a Puglia: 1) Mais “barata” que as outras

Começo a lista dos 5 motivos para conhecer a Puglia com os gastos básicos. Os custos na Puglia em relação às outras regiões certamente são mais baixos. Nos meses de julho e agosto, durante as férias italianas, os preços sempre serão mais caros. Porém, para dormir, é possível encontrar acomodações simples por 50 euros à noite para o casal. Provavelmente não centrais, mas nem tão longe das atrações principais. Clique aqui para saber onde ficar na Puglia e procure aqui uma acomodação! Um casal gasta para comer entre 60 e 70 euros. Uma refeição clássica italiana é composta de antipasto (entrada), primeiro prato (massa ou risoto), segundo prato (carne, peixe ou frango acompanhado de salada), bebidas (água, vinho etc), frutas, sobremesa e café. É muita comida! Certamente, escolhendo somente um antipasto (entrada) e um prato (primeiro ou segundo) você vai gastar menos e, ainda assim, vai sair satisfeito.

 

5 motivos para conhecer a Puglia - Colunas dóricas do templo de Poseidon em Taranto

5 motivos para conhecer a Puglia: 2) Um destino com vários destinos

Em pouco tempo você poderá visitar várias cidades de importância histórica e com belas praias e paisagens. Além disso, muitas destas cidades são próximas umas das outras. Portanto, um roteiro bem organizado otimiza o tempo de deslocamento e deixa mais tempo para conhecer melhor as cidades e suas atrações. Por exemplo, Bari, Polignano a Mare e Conversano. 10 cidades imperdíveis na Puglia.

 

5 motivos para conhecer a Puglia - Praia de Punta Prosciutto no Parque Natural “Palude del Conte e Duna Costiera” - Porto Cesareo (LE)

3. Praias de todos os tipos

Os verões na Puglia são longos e quentes o que valoriza ainda mais o seu litoral. A costa pugliese tem 800 km de extensão e oferece dois mares: o Adriático e o Jônico. Muitos tipos de praias e enseadas com lidos (praia com serviços privados) e zonas públicas. De areia fina ou de cascalho. De água rasa, com dunas e falésias. Ambiente tranquilo e familiar ou de pura agitação e festas. 5 praias lindas na Puglia que você tem que conhecer.

 

4. Muitos turistas na alta temporada

A grande quantidade de turistas é concentrada somente nos meses de julho e agosto principalmente no Salento e no Gargano. Em outras palavras, fora desse período tudo é mais tranquilo. As grandes atrações são sempre muito procuradas como, por exemplo, os trulli de Alberobello e as grutas de Castellana. Da mesma forma, as cidades também ficam cheias durante as sagras, que são as festas populares locais. Da mesma forma, a maioria das festas se concentra no período das férias. Como é a a Puglia e as praias na alta temporada.

 

5. A gastronomia é uma atração

Carnes, bombette e lingüiças no interior ou peixes, mexilhões e polvos no litoral. Massa com verduras ou com ragu. Mozzarella, burrata e stracciatella. Pão, focaccia e taralli. Pizza e panzerotto. Os doces, como o pasticciotto e o sporcamuss. Tudo isso acompanhado de um bom vinho. Especialmente, porque a Puglia é a região vinícola mais produtiva da Itália. Por exemplo, os vinhos tintos que representam a região são: o Primitivo di Manduria, o Nero di Troia, o Negroamaro e o Salice Salentino. E o vinho branco, Castel del Monte. Clique aqui para saber o que comer na Puglia.

Enfim, agora você pode começar a programar as suas férias.